0

Hoje trago 22 dicas espertas e práticas para melhorar a sua saúde e sua qualidade de vida. Preste muita atenção pois todas, absolutamente todas estas dicas, se levadas a sério, podem provocar uma verdadeira transformação, na sua vida, seus hábitos, seu corpo e principalmente, na sua saúde!

Comece a mudar seus hábitos hoje e sinta a diferença!

1. O melhor remédio que existe é o sono

Uma noite de sono bem dormida é altamente reparadora. Comece a sua caminhada em direção à saúde percebendo se o seu sono é regular, ininterrupto e se lhe faz acordar descansado. Caso contrário, todos os outros passos serão mais difíceis e talvez insuficientes para que alcance a saúde. O sono é o principal momento de reparação , regeneração e recuperação do corpo e não pode, de maneira alguma, estar desequilibrado.

2. Ajuste a sua alimentação

Procure um equilíbrio entre os macronutrientes, priorizando ter pelo menos a mesma quantidade calórica entre proteínas, carboidratos e gorduras. Individualidades devem ser analisadas por nutricionistas, mas, sem sombra de dúvidas, o exagero na ingestão de carboidratos é hábito que pode lhe trazer mais doenças e malefícios.

3. Alimentos Industrializados? Nem pensar!

Escolha os carboidratos baseado fundamentalmente em suas cargas glicêmicas, prefira os vegetais, como saladas, verduras, legumes, e posteriormente os grãos. Deixe por último, e preferencialmente de lado, os carboidratos industrializados.

4. Atenção aos sinais do corpo

Se tiver condições, realize um exame salivar ou sanguíneo, para detectar quais alimentos lhe fazem mal. Assim poderá identificar intolerâncias, alergias e também hipersensibilidades.

5. Teste seu organismo

Caso não tenha condições de realizar tais exames, faça você mesmo o teste. Exclua Glúten de sua vida por 25 dias e perceba se você se sente melhor. Posteriormente, exclua os laticínios, por outros 25 dias, e note como se sente. Abra uma exceção para a manteiga; dê preferência à manteiga Ghee, clarificada, ou ainda a manteiga de garrafa.

6. O corpo fala

Em relação ao item 5 você notará: Diminuição de gases, menor distensão abdominal, menor incidência de dores de cabeça, aumento na disposição, são ganhos extremamente comuns com a exclusão dos alimentos do item 5.

7. Água é vida

Faça a ingestão de água em abundância durante o dia, pois quando você sente sede, geralmente já é um sinal de desidratação. O centro cerebral da água é muito próximo ao centro da fome, portanto a boa hidratação ajuda muito na diminuição do apetite.

8. Evite potes de plástico

Evite recipientes plásticos, nunca aqueça alimentos ou líquidos em recipientes plásticos, nunca descongele alimentos e líquidos em recipientes plásticos em micro-ondas, aliás abandone o micro-ondas. Compre água de garrafa somente da sua região, evite cafezinhos em copos de plástico finos, prefira sempre vidro ou cerâmica. Nunca compre plásticos, principalmente mamadeiras, nas quais não esteja especificado LIVRE DE BISFENOL-A.

9. Desapegue dos vícios alimentares

Desapegue de seus vícios alimentares, caso sejam ruins. Escolha o principal inimigo e trace uma guerra contra ele, geralmente aquele alimento que mais vicia é também aquele que causa mais problemas.

10. Observe

Faça a medição de sua temperatura basal por 5 dias, sempre pela manhã, ao acordar, antes de levantar da cama. Se a média das aferições for menor do que 36,5 graus, é possível que sua tireoide esteja produzindo seus hormônios de forma menos intensa e isso pode lhe causar dificuldades. Observe também a qualidade de suas unhas, cabelos, turvor da pele, disposição e relação de frio e calor. Estas informações são simples mas ao mesmo tempo são fortes indícios de saúde hormonal.

11. Cuide do sorriso

Procure pastas de dente sem flúor e mantenha visitas regulares ao dentista.

12. Diga não ao aspartame

Evite o excesso de chicletes e balas dietéticas, a maioria contém Aspartame, e quando este tem contato direto com a mucosa oral e sublingual, a absorção é aumentada.

13. Evite pães industrializados

A grande maioria das padarias usa um composto cancerígeno para deixar o pão mais crocante e mais aerado. Realmente os pães ficam mais gostosos, mas o Brometo de Potássio utilizado é um causador de câncer, proibido na Europa, nos Estados Unidos e inclusive no Brasil. Infelizmente a nossa fiscalização é bem precária e acaba facilitando que a substância ainda seja usada, portanto todo o cuidado é pouco.

14. Evite molhos e temperos  prontos

Não consuma molhos e temperos que utilizam o de Glutamato Monossódico em sua fórmula. Infelizmente, quase todos disponíveis no mercado utilizam esta substância. O Glutamato é nocivo, especialmente ao sistema nervoso central. A desculpa da indústria é sempre a mesma, defendem que a quantidade colocada nos alimentos não seria suficiente para gerar doenças, mas, quem utiliza estes alimentos prontos certamente não vai ingerir apenas uma porção. Durante uma vida toda, pode-se ingerir muitas vezes este veneno. Pois então, você acredita que a dose pequena, multiplicada por mil, não seria maléfica? Claro que sim, mas isto não é considerado um problema do fabricante. Não se iluda, os fabricantes não estão preocupados com a saúde do consumidores, o objetivo deles é pura e simplesmente ganhar dinheiro.

15. Para matar a vontade do açúcar

Troque o açúcar e os adoçantes artificiais por Stevia pura, Taumatina, Xylitol, D-Ribose, açúcar de côco. Estas substâncias não são apontadas como causadoras de doenças como o Aspartame, o açúcar e a sucralose são.

16. Escolha o açúcar certo

A diferença entre o açúcar normal e o orgânico, são apenas os agrotóxicos. O principal problema do açúcar é a sua composição e o poderoso efeito de glicação no sangue, e nesta hora, ambos são iguais, o orgânico também causa o mesmo efeito, portanto, pouca diferença faz se é orgânico ou não.

17. De olho nos óleos e azeites

Troque todos os óleos pelo óleo de coco extra virgem, e caso deseje variar, prefira inclusive a banha de porco do que os óleos hidrogenados. Soja, milho, girassol, canola e companhia acabam aumentando a quantidade de Ômega 6 no corpo. Esta substância, quando além dos níveis suportáveis, gera o aumento da inflamação crônica e o desequilíbrio dos ácidos graxos. Mero engano achar que são livres de gorduras trans. Seriam livres se fossem consumidos logo após a sua fabricação, e se não fossem levados ao fogão. Todos estes óleos, quando aquecidos, viram trans, capazes de provocar todos os problemas associados à ingestão de gorduras trans.

18. Gordura Trans

Ainda sobre gorduras trans: você acha que aqueles biscoitos gostosos são mesmo livres de gorduras trans? O que aconteceu com a maioria é que, ao invés de excluir a gordura ruim, os fabricantes simplesmente diminuíram os tamanhos dos snacks. Não se engane, a quantidade existente em cada pedaço, agora, não é suficiente para que sejam considerados como possuidores de gorduras trans, mas apenas por uma convenção, na verdade em grandes quantidades, que é como são ingeridos, apresentam sim quantidades significativas no final das contas.

19. Busque encontrar o seu equilíbrio, sempre acertando mais do que errando

Se é possível praticar esta política quando se trata de estudos ou trabalho, por que motivo deveríamos nos permitir errar à vontade nos aspectos pessoais e de saúde? Devemos seguir uma vida saudável dentro deste conceito, quatro dias de acerto, durante uma semana significa acertar mais do que errar. Um passo de cada vez.

20. Tome nota

Escreva todas as noites, antes de dormir, uma lista com cinco metas que você prioriza realizar no dia seguinte. Cuide para que, ao menos uma destas metas seja algo relacionado à sua saúde. Carregue este papel junto com você, de preferência junto com algum objeto que você terá contato visual muitas vezes ao dia, como bolsa, carteira, etc.

21. Força na peruca

Não esqueça de orar, pedir a Deus ou a qualquer que seja a força superior na qual você acredite. Ter o apoio de familiares e amigos é muito importante, mas ter fé espiritual é imensamente forte e acalentador.

22. Mudar faz bem

Infelizmente, nem todos os que o rodeiam estão preparados para mudar suas atitudes ou aceitar que você está mudando. A mudança causa uma repulsa natural, um sentimento de repúdio, de auto defesa, e talvez você até experimente uma tentativa de auto sabotagem, consciente ou inconsciente, nos outros. É muito comum que lhe digam que está ficando louco, que não é necessário mudar, e todas aquelas coisas. Tente mudar seus hábitos e seguir firme sem deslizes por alguns meses, uns três meses. Depois deste tempo, você pode parar e refletir sobre o que aconteceu na sua vida, as mudanças e pode então escolher se é este o caminho que quer seguir ou não.

Espero que essas dicas possam ajudar você a ter uma vida mais saudável e com qualidade.

Leia também os 10 Passos do Emagrecimento Saudável

Dr. Victor Sorrentino

Posts Relacionados